quarta-feira, 22 de abril de 2009

DESPEDIDA DE PERTH!!!!










RESUMÃO - 01/12/08 a 10/12/08 - Olá a todos!!! Após um longo período de recordações de grandes momentos de Perth, resolvi contar os últimos dias em que passei na cidade de Perth. Neste post de hoje, contarei como foram os meus últimos dias nessa cidade maravilhosa, os últimos momentos que antecederam minha viagem para Sydney e também a minha chegada na maior e mais importante cidade Australiana: Sydney!!!

Após chegarmos completamente quebrados de Rottnest Island, tivemos uma estranha surpresa: Ao adentrarmos em nossa casa, vimos uma tremenda bagunça, sacolas, móveis, acessórios novos e um entra e sai intenso de pessoas diferentes em nossa casa. Tomei um baita susto e perguntei a uma figura bizarra, um chinês que mal falava inglês, o que estava acontecendo ali. Ele, na maior naturalidade do mundo, disse-me que estava se mudando para nossa casa, no lugar da Wil, a desgraçada da Tailandesa. Como assim????????????? Fomos pegos totalmente desprevenidos e logicamente, nosso humor não era dos melhores nessa hora. Estavamos sendo invadidos por um bando de chineses, falando uma porrada de coisas que ninguém conseguia entender, e detalhe, sem sequer sermos avisados. Tentamos conversar com o cara, e explicar que ele não podia fazer essa mudança, pois a casa estava no nome do Octávio, e ele era a única pessoa responsável por autorizar qualquer movimentação naquele recinto. O coitado do chinês, disse que havia acertado todos os detalhes com a Wil, pois ela estava de mudança para a casa do namorado dela e havia repassado o quarto dela para ele. Uma confusão tremenda. Explicamos para ele, que não tinhamos nada contra a presença dele (apesar de ser alguém completamente desconhecido e sem nenhum contato anterior, tirando assim toda a nossa privacidade), mas sim contra a atitude da maldita da tailandesa em passar por cima de tudo e de todos!!! Ficamos putos com essa atitude e chamamos ela em casa para esclarecer tudo.

Após conversarmos abertamente com ela e explicarmos mais de 10x que ela estava errada (ela não arredou o pé e disse que estava certa), chegamos num acordo e por mera "pena" do coitado do chinês, que havia largado seu antigo lar, por causa dessa nova oportunidade, decidimos deixá-lo ficar por apenas 1 semana, até que ele encontra-se algum lugar para morar, até porque, daqui a 10 dias, eu iria para Sydney e o Octávio para o Brasil. Nós já haviamos acertado com o Caio e com a Priscila, 02 brasileiros amigos do Octávio, para eles assumirem o apartamento e fazer o que bem entender com ele.

Nesses nossos últimos 10 dias, aproveitamos para ir em todas as baladas daqui de Perth. Fomos quarta-feira no Mustang Bar, onde pude encontrar meus amigos de colégio e outras amizades que fiz ao longo do tempo aqui em Perth. Foi uma noite bem agradável e divertida. Quinta-feira, nos despedimos em grande estilo do bom e velho The Deen. Fomos bem cedinho, para pegarmos o barbecue e aproveitamos para comer uma picanha bem gostosa!!! Ao som de "Vixi Mainha" encerramos nossa balada!! No dia seguinte, aproveitamos o dia lindo de muito sol e calor, para irmos na casa do Tarcísio tomar uma cervejinha e comer mais uma carninha!!! Foi bem gostoso!!! A noite, o Ale (pé-de-pano) veio aqui em casa para se despedir da gente, isso porque ele estava indo para o Brasil passar as festas de fim de ano no dia seguinte, sábado bem cedinho. Foi uma puta melancolia, mas faz parte!!!

Sabadão, eu e o Octávio acordamos cedinho e decidimos ir para a praia de Cottesloe aproveitar o dia, que mais uma vez estava lindo!! A praia estava lotada de gente e nisso, recebi um telefonema de um pessoal conhecido meu, nos convidando para uma baladinha fechada, com open bar de tudo e o melhor, tudo na faixa!!!!! Sem pestanejar, aceitei e de imediato voltamos para casa para nos aprontar!!! Marcamos de encontrar o pessoal no Swan River, o rio mais famoso de Perth, e para nossa surpresa, só eu e o Octávio estavamos vestidos com roupas normais de balada. O resto do pessoal (todos australianos) estavam vestidos à carater com fantasias de personagens famosos de filmes americanos!!! Além disso, tivemos uma puta surpresa quando descobrimos que a festa seria em um "yath" no meio do Swan RIver. Tinhamos 5h de festa, com o yath rodando por todo o Swan River, numa vista maravilhosa, impressionante e inesquecível, fora o Open bar de Champagne, Vinho, Cerveja (Corona) e Vodka!!! Uma das melhores festas da minha vida!!! Infelizmente, não estava preparado para tanto e acabei não levando minha câmera (é, nem tudo é perfeito)!!!

Passado o fim de semana, uma tarefa muito difícil porém essencial tomou conta de minha mente: Arrumar as malas!!! Nunca pensei que eu tivesse, em pouco tempo, tanta coisa assim aqui na Austrália. Era uma quantidade imensa de roupas, objetos e outros acessórios. Para fechar a mala, levei 4 dias e ainda tive que fazer uma senhora doação dos meus bens para os amigos de Perth. Conselho a todos que irão um dia voltar para o Brasil, ou até mesmo trocar de cidade aqui na Austrália: Arrumem suas malas 1 mês antes de partir!!!

Terça-feira, dia 09/12/08, o Octávio resolveu fazer uma carne de canguru aqui para experimentarmos, até porque, morar aqui, sem experimentar carne de canguru, seria um vexame total!!! Deixamos a carne marinando durante um dia inteiro e ele a fez frita com cebola, pimentão e tomate. A carne é bem macia e um pouco adocicada. Ficou muito boa e apesar de ser gostosa, não é um tipo de carne que dá pra você comer em quantidades enormes, como em um almoço por exemplo. Mesmo assim, foi uma experiência bacana. (veja a foto).

No dia seguinte, dia 10/12/08, quarta-feira, tive um dia muito cheio pela frente. A essa altura, nossa casa estava uma bagunça tremenda, com mais de 5 pessoas durmindo lá: Eu, Octávio, Caio, Priscila (novos moradores) e o Kotaro, que não queria perder por um segundo sequer a oportunidade de passar nossos últimos momentos juntos!!! Acordei com um telefonema maravilhoso, vindo da minha linda: Ela me ligou para me desejar boa sorte, falar várias coisas bonitas e saber como eu estava me sentindo!!! Só com essa ligação, meu dia já melhorou 100%!!! Tive um dia bem corrido. Imprimi meu portfólio, terminei de fechar minha mala, me arrumei, desmontei meu computador e etc. A impressão que eu tinha era de um dia normal, bem busy pela frente. Demorou para a ficha cair, e eu perceber que esta poderia ser minha despedida de Perth!!! Senti um nó na garganta, no momento em que desci as escadas do meu apto, olhei pra trás e por um breve instante me recordei dos momentos maravilhosos que havia passado ali naquele apartamento. Ali, vivi um dos meus melhores momentos aqui na Austrália e iria sentir falta disso. Antes de entrar no carro, fui amparado pelos meus melhores amigos ali no momento: Octávio, Felipe e Kotaro. Todos eles foram comigo, no carro do Felipe, me levar ao aeroporto. No meio do caminho, ao invés de tristeza, alegria, descontração e muitas risadas. O Felipe, estava todo empolgado com a nova aquisição dele: Um GPS!!! No meio do caminho, enquanto estávamos fielmente seguindo a mulher do GPS falar, pegamos uma trilha meio errada, mas continuamos nosso caminho, até ouvirmos uma frase bizarra, que causou gargalhadas em todo mundo, menos no Felipe, claro, o dono do carro:

- Keep Straight away!!! Only 245 km to arrive at the Airport!!!!

Hauhauhauahuahauhauahuahuahauha como assim, 245 km???? Hauhauhauha O Felipe foi a loucura!! Com essa quilometragem, poderíamos chegar no aeroporto de Sydney, de carro!!!! hauhauhauahuahuahua. Após refazermos a busca pelo aeroporto, descobrimos que realmente algo estava errado e assim, voltamos novamente para a rota certa, mas os 245km virou piada pro resto do percurso!!!

Chegando no aeroporto, tudo muito rápido!!! Fiz numa boa o check in e ficamos aguardando um pouco no saguão, tomando uma boa e velha cervejinha para nos despedirmos!!! O Octávio fez até um videozinho de despedida para mim (vejam mais abaixo).

À medida que o tempo ia passando, mais a realidade ia batendo e o nó na garganta ia crescendo. Meus olhos, iam se enchendo de lágrimas e era cada vez mais difícil de segurar a emoção!! Mesmo assim, fiz o possível para segurar a onda e acabamos nos despedindo logo em seguida. O Octávio me deu uma carta bem bacana, a qual me emocionaou bastante enquanto aguardava o embarque no avião. Peguei o avião rumo à Sydney às 00:30hs de quinta-feira e assim, encerrou-se, pelo menos por enquanto, meu ciclo em Perth. Deixei aqui, amigos os quais levarei comigo por toda a minha vida, grandes recordações, momentos e acredito que evolui bastante com essa enorme experiência que tive aqui!!! Momentos que jamais esquecerei!!! Agora, que venham os novos dias: SYDNEY, AI VOU EU!!!!

Bjos a todos!!! video

sexta-feira, 17 de abril de 2009

VAGABUNDOS!!!!

video

Bom, esse vídeo realmente não precisa de legendas, muito menos de explicações!! Ócio criativo, aliado a boa e velha falta do que fazer!!! Esse vídeo me faz dar muitas risadas e me traz boas recordações!! Saudades de Perth, saudades de você Octávio, meu grande amigo e de tudo o que vivemos nessa época!!! Só nos resta recordar!!!

Bjos a todos

quinta-feira, 16 de abril de 2009

KOTARO TREINANDO PORTUGUÊS!!!

video

Um mês após eu decidir que iria para Sydney, o Kotaro, resolveu aproveitar ao máximo o tempo junto de mim e do Octávio!!! Todos os dias ele ia lá em casa, mesmo que para não fazer nada!!! Ficávamos lá, conversando, dando risadas, relembrando de fatos engraçados!! Nesse período, pudemos nos aproximar ainda mais e passar momentos inesquecíveis e muito engraçados juntos!!! Hoje, eu estou em Sydney e ele está no Japão, Osaka, mais precisamente, mas a lembrança e a amizade que fizemos é maior do que essa enorme distância!!! Saudades Kotaro...até um dia!!!

Bjos a todos!!!

segunda-feira, 13 de abril de 2009

ORIGEM FAROL FREMANTLE BY ALE!!!

video

Salve, salve galera!!! Estou adorando essa idéia de colocar videozinhos!!! Mantenho o blog sempre atualizado e ainda me divirto recordando as bobeiras que vivi em Perth!!! Pra não perder o costume, ai vai mais uma: Dessa vez, nosso querido amigo Alessandro, vulgo Pé-de-Pano, da uma aulinha pra gente de como foi formado o Farol de Fremantle!! Acompanhem!!

Bjos a todos!!

domingo, 12 de abril de 2009

DESPEDIDA JULIANA PERTH!!!!

video

Ola a todos!!! Estamos de volta com mais um filminho para alegrar nossos leitores!!! Dessa vez, irei mostrar para vocês como foi a despedida da Juliana, uma paraibana muito arretada e gente fina, que ficou pouco tempo em Perth, mas foi o tempo suficiente para criar uma amizade muito bacana com todos nós!!! Esse dia foi muito engraçado. Ela foi embora junto com o Marcelo Amaral, outro grande amigo meu, que conheci em Perth. Antes de voltarem para o Brasil, eles passaram uns dias em Sydney e na Nova Zelândia!!! Em conversa com eles recentemente, ambos me disseram que sentem muita falta da Austrália, mas não pensam em retornar tão cedo para cá, pois estão muito bem no Brasil!!!

Bjos a todos e divirtam-se!!!

quinta-feira, 9 de abril de 2009

VIDEO LITTLE CREATURES - FÁBRICA DE CERVEJA!!

video

Pois é galera!!! Aleluia Aleluia!!!! Inspirado com a Semana Santa, resolvi colocar uma internet nova em casa e com ela a grande novidade: Vídeos!! Agora posso postar os vídeos que havia prometido para vocês anteriormente!!!

Aos poucos vamos postando um a um para entreter os nossos fiéis leitores!!! Eeeeeee!!! Para começar, estou postando um vídeo bem bacana, da fábrica de cervejas "Little Creatures"!!! Aproveitem!!!

Bjos a todos

terça-feira, 7 de abril de 2009

ROTTNEST ISLAND!!!































Após madrugarmos, arrumando nossas "trouxas", fomos andando até a estação do centro de Perth, para pegarmos um trem rumo à Fremantle, onde pegaríamos uma lancha rumo à tão famosa ROTTNEST ISLAND!!!! No meio do caminho, fomos causando com o Kotaro dentro do busão, fazendo ele cantar musiquinhas de carnaval e tentando traduzir para ele entender o significado!! Imaginem vocês, 02 brasileiros (Eu e o Octávio) tentando traduzir "Mamãe eu quero mamar" e "A pipa do vovô não sobe mais"!!!! Hilário demais e confesso que nessa hora, percebi que meu inglês realmente deu um "improve", pois o Kotaro conseguiu entender tudo e estava se mijando de rir, perguntando o porque as pessoas cantavam essas músicas tão estranhas no Brasil!!! Vai saber neh?!!!

Pagamos quase $50,00 para ir para lá de lancha (único meio de transporte), porém já com a ida e volta garantida. Chegamos sem rumo e sem nada certo, apenas com uma mochila cada um e uma barraca na mão!!!! Não tinhamos nem um saco de pão para comer e muito menos uma garrafa de água. A única coisa que tinhamos na mochila era uma caixa de 5L de vinho, pois isso não podia faltar neh?!! Estavámos rezando para encontrarmos algum mercadinho lá!!!! E graças a Deus, encontramos!!!

Rottnest Island fica há uns 40 minutos de Perth (indo de lancha) e confesso que a viagem é cansativa e chega até a enjoar, literalmente!!! Como sou uma pessoa prevenida e bem igual a minha mãe, resolvi tomar um Dramin, só pra garantir e evitar enjôos!!! Foi a melhor coisa que eu fiz!!! O Octávio e mais de 10 pessoas estavam quase vomitando com o balanço das ondas!! Foi tudo muito engraçado. Conhecemos um pessoal da Alemanha que estavam indo também e tratamos de gastar o inglês, só pra dar uma treinada, e tumultuada também!!!

Conforme nos aproximávamos da Ilha, pudemos perceber a mudança de cor da água, que ia ficando cada vez mais límpida e transparente!!! Unido a essa beleza natural, pudemos apreciar um lindo dia de sol, daqueles abençoados por Deus, com um céu azul azul e sem uma nuvem sequer por perto!!! SENSACIONAL!!!

Chegando lá, fomos direto no Centro de Informações para procurar vagas para Camping ou até mesmo um albergue para passarmos a noite. Fomos muito bem recebidos e orientados pelos funcionários de lá e conseguimos, por sorte, achar um quarto vago, para 3 pessoas em um albergue!!! Pronto!!! Já tinhamos aonde durmir, agora faltava apenas um meio de transporte para nos deslocarmos e explorarmos esse paraíso natural e conseguimos encontrá-lo há poucos metros da Central de Informações. Por apenas $10,00 por pessoa, alugamos uma bicicleta cada um para ficarmos quanto tempo quisessemos!!! Aqui em Rottnest Island, não há carros, motos, ônibus, nada!!! Apenas bicicletas e 02 vans que levam e trazem as bagagens dos albergues e campings espalhados pela ilha!!

Porém antes de pegarmos nossas bikes, resolvemos ir até o albergue para deixar nossas malas e trocar de roupas, e decidimos fazer isso a pé!!! Após 15 minutos andando debaixo de um sol de rachar, cansamos e resolvemos pedir auxílio: Ao percebermos a aproximação de uma das vans, nós 3 pulamos na frente da van e começamos a pedir carona, fazendo gestos e brincando com o motorista, mostrando nossas pernas!! Hauhauhauahuahua. Ele só parou por isso!! Deu muita risada e acabou dando uma caroninha pra gente!!!

Após descarregarmos nossas malas, trocarmos de roupas e pegarmos nossas bikes, fomos desbravar a ilha e a cada parada, uma emoção única e diferente!!! É realmente incrível a sensação de estar naquele lugar!!! É um verdadeiro paraíso!!! Águas cristalinas, contato com a natureza, uma infinidade de cores, um paraíso!!! É nessas horas que nos damos conta do quão belo é nossa vida, nossas escolhas e de quão importante é cada momento que nos é dado para viver!!! Nessa hora, fiz uma oração baixinho, agradecendo a Deus pela oportunidade, pela coragem e por eu ter arriscado tudo para estar ali!!! Isso é uma emoção que não tem preço e jamais será esquecida!!!

Visitamos umas 5 ou 6 praias, totalizando 70% da ilha!! No final do dia estávamos quebrados e resolvemos voltar para o albergue para tirarmos um cochilo e nos integrarmos para saber o que rolava de noite!!! Claro que não conseguimos durmir e resolvemos então, ficar tomando um vinhozinho de leve, enquanto apreciavamos o anoitecer e a brisa da noite esfriar cada vez mais!!! Mais tarde, descobrimos que todos estavam se direcionando para a praia, para fazer um luau e resolvemos ir atrás!!! Chegando lá, portanto, percebemos que eram todos adolescentes, e decidirmos ficar apenas nós 3 em outra parte da praia, sentados, conversando, tomando um vinhozinho e apreciando o céu estrelado!!! Este que por sinal me emocionou mais uma vez!!! Eu nunca havia visto, antes, uma quantidade tão grande de estrelas em um único céu!!! Pudemos ver o verdadeiro brilho das estrelas e o poder da natureza!!! Lembrei da minha poesia predileta, a qual eu costumava ouvir minha mãe declamando para mim quando eu era pequeno, e a qual passou a fazer parte de minha vida hoje, a maravilhosa obra de Olavo Bilac, denominada Via Lactea!!!!

Confesso que ao lembrar das estrofes, tudo fazia mais sentido e pude realmente entender o sentido das estrelas, o verdadeiro sentido do amor, pois nesse momento minha mente foi invadida por uma só pessoa, que mesmo distante, continua muito, mas muito próxima de mim, aqui dentro do meu coração: Minha linda!!! Como ja dizia Olavo Bilac:

AMAI PARA ENTENDÊ-LAS, POIS SÓ QUEM AMA PODE TER OUVIDOS CAPAZ DE OUVIR E DE ENTENDER ESTRELAS!!!!

Após o término do nosso galão de vinho, voltamos para o albergue, felizes, cada um com seu sentimento, pensamento e com suas lembranças!! Na volta, um silêncio intenso tomou conta de todos nós. Estávamos realmente emocionados, abalados, porém felizes de estarmos ali todos juntos!!! Em pouco menos de 2 semanas, cada um seguiria seu rumo. Eu estava indo para Sydney enquanto que o Octávio seguiria para o Brasil e o Kotaro voltaria para o Japão, sua terra natal.Tudo seria diferente dali pra frente.

No dia seguinte, acordamos bem cedo, fizemos o check out e entregamos as bikes. Aproveitamos para tomar um café da manhã bem reforçado em uma espécie de pub que havia lá!!! Sentamos de frente para o mar e a saudade já começou a bater!!! Lembramos de todos os momentos que passamos na ilha e demos bastante risada com tudo!!! No começo da tarde, pegamos a lancha para voltarmos a Perth. A volta é semrpe mais demorada neh??!!!

Chegamos em Perth com as baterias renovadas e agora é se preparar para a nossa última semana em Perth!!!

VIA LACTEA - OLAVO BILAC

"Ora (direis) ouvir estrelas! Certo
Perdeste o senso!" E eu vos direi, no entanto,
Que, para ouvi-las, muita vez desperto
E abro as janelas, pálido de espanto...

E conversamos toda a noite, enquanto
A via-láctea, como um pálio aberto,
Cintila. E, ao vir do sol, saudoso e em pranto,
Inda as procuro pelo céu deserto.

Direis agora: "Tresloucado amigo!
Que conversas com elas? Que sentido
Tem o que dizem, quando estão contigo?"

E eu vos direi: "Amai para entendê-las!
Pois só quem ama pode ter ouvido
Capaz de ouvir e de entender estrelas".

Bjos a todos!!!